Pular para o conteúdo principal
O que é a Vacina Pneumocócica 23 Valente?

A Vacina Pneumocócica 23-Valente (VPP23) é empregada para proteger de doenças provocadas por 23 sorotipos de pneumococo.

Quais doenças ela previne?

Pneumonia, meningite, bacteremia/septicemia.

Como é aplicada?

Intramuscular.

Onde pode ser encontrada?

Ela pode ser encontrada na Imovac, com atendimento domiciliar, e em qualquer clínica privada de vacinação e nos CRIEs.* Esta vacina não é encontrada nas Unidades Básicas de Saúde.

Indicação:

Para crianças acima de 2 anos, adolescentes e adultos que tenham algum problema de saúde que aumenta o risco para doença pneumocócica (diabetes, doenças cardíacas e respiratórias graves; sem baço ou com o funcionamento comprometido desse órgão; com problemas de imunidade, entre outras condições) e para pessoas a partir de 60 anos como rotina. Não é recomendada como rotina para crianças, adolescentes e adultos saudáveis.

Contraindicações da Vacina Pneumocócica 23 Valente:

Está contraindicada para crianças, adolescentes e adultos que apresentaram anafilaxia provocada por algum elemento ou dose anterior da vacina.

Possíveis Reações:

Reações muito comuns: dor, vermelhidão, inchaço e endurecimento no local da injeção, dor de cabeça.

Reações comuns: cansaço, dor muscular, febre baixa e transitória.

Reações incomuns: inchaço de todo braço, chegando até o cotovelo associado a dor, coceira e calor no membro onde foi aplicada a vacina (reação de Arthus), hematoma e manchas vermelhas.

Reações raras: aumento ou surgimento de gânglios próximo à região do local da vacinação (linfadenopatia), dor nas articulações, calafrios, mal-estar e erupções na pele.

Cuidados antes, durante e após a aplicação da Vacina Pneumocócica 23 Valente:

Febre: A vacinação deve ser suspensa caso a pessoa apresente febre e só pode ser feita após a sua melhora.  

Ocorrências: Lembre-se sempre de comunicar o serviço que realizou a vacinação em caso de sintoma grave e/ou inesperado.

Dor: As dores no local de aplicação podem ser aliviadas com compressas frias. Nos casos de dores mais acentuadas, consulte o seu médico para o uso correto de medicação.

Sintomas Prolongados: Os sintomas persistentes, que duram por mais de 72 horas, devem ser pesquisados para a verificação de outras causas.

Quantas doses tomar?

É recomendada a combinação da VPP23 com a VPC13.

O ideal é iniciar o esquema com a aplicação de vacina pneumocócica conjugada (VPC10 ou VPC13). Na página da VPC13, explicamos as diferenças de cada uma. Deve-se aplicar uma dose da VPP23 seis a doze meses depois da dose da vacina conjugada, e outra cinco anos após a primeira dose de VPP23.

Na maior parte das vezes, não se recomenda a aplicação de mais de duas doses de VPP23.

Tem alergia? Veja do que é feita a Vacina Pneumocócica 23 Valente:

A VPP23 é uma vacina inativada, não há como provocar a doença.

É composta de partículas purificadas (polissacarídeos) das cápsulas de 23 sorotipos de Streptococcus pneumoniae (pneumococo), cloreto de sódio, água para injeção e fenol.

* Para pessoas a partir de 2 anos de idade, adolescentes e adultos com condições de saúde especiais – que as tornam propensas a ter doença grave causada pelo pneumococo – os Cries. disponibilizam a vacina.

Contato
Fale Conosco