Pular para o conteúdo principal

Mitos e verdades sobre o sarampo

Os últimos anos foram marcados por um aumento do número de casos de sarampo no país. Com a pandemia, as pessoas têm se vacinado menos em relação a outras doenças, o que é preocupante.

O sarampo, por exemplo, não é uma reação alérgica. É uma doença provocada por um vírus e o vírus que provoca a doença é forte e pode ocasionar diversos sintomas como febre acompanhada de tosse, incômodo nos olhos, congestão nasal, forte mal-estar, e as já conhecidas manchas vermelhas pelo corpo. Além disso, o vírus pode ser facilmente transmitido via secreção nasal ou oral, por exemplo. Em casos graves da doença, procure um médico e tente manter o controle da febre, acompanhada de hidratação contínua.

Como todas as doenças contagiosas, higiene completa, principalmente das mãos, é fundamental. Mas só ela não é suficiente. Como o sarampo é uma doença que já pode ser evitada com vacina, o imunizante é a prevenção mais adequada.

Outro mito comum sobre o sarampo é o contato direto com as manchas avermelhadas que surgem no corpo. Apesar delas não serem contagiosas, o recomendado é não ter qualquer contato com o doente ou em superfícies tocadas por ele, já que ali podem existir gotículas de espirro ou secreção.

Como funciona o esquema de vacinação do sarampo?

  • 1ª dose: Crianças que completarem 12 meses (1 ano).
  • 2ª dose: Aos 15 meses de idade, última dose por toda a vida.
  • Pessoas entre 1 e 29 anos de idade, com 1 (uma) dose comprovada pelo cartão de vacina, devem completar o esquema vacinal com a 2ª dose da vacina.
  • Caso tenha perdido ou cartão, não se lembre das doses que tomou ou nunca tenha tomado: de 1 a 29 anos devem tomar 2 (duas) doses; de 30 a 59 anos devem tomar apenas 1 (uma) dose.

As gestantes não devem se vacinar no período de gestação. Também é possível combinar a vacinação contra o sarampo e outras doenças:

Dupla viral: protege do vírus do sarampo e da rubéola.
Tríplice viral: protege do vírus do sarampo, caxumba e rubéola;
Tetra viral: protege do vírus do sarampo, caxumba, rubéola e varicela (catapora).

A Imovac é especializada em atendimento médico de alergia, imunidade e clínica de vacinação.
Entre em contato agora com a nossa equipe.

Agendar Atendimento

https://saude.ig.com.br/2019-08-03/fake-news-9-mitos-sobre-o-sarampo-nos-quais-voce-nao-deve-acreditar.html
https://www.saude.mg.gov.br/sarampo

Contato
Fale Conosco